,

Como saber se estou com HIV?

Uma das doenças mais perigosas que existem, principalmente entre os jovens.

A sigla AIDS, do inglês acquired immunodeficiency syndrome, significa Síndrome da Imunodeficiência Adquirida. Ela é estágio final causado pelo vírus HIV, que faz com que o sistema imunológico humano fique ineficiente com o passar tempo. As principais formas de contrair o vírus são através de relações sexuais sem proteção (anal, oral e vaginal), compartilhamentos de seringas ou agulhas e compartilhamento de objetos perfurocortantes como por exemplos alicates de unha.

Para complicar, o vírus pode permanecer “adormecido” durante anos e caso não sejam feitos exames regulares, o HIV pode ser detectado em seus estágios mais avançados. Infelizmente ainda não existe uma forma de eliminar o vírus do corpo humano e só existem tratamentos para a doença, retardando a AIDS e diminuindo os sintomas. Veja agora os sintomas iniciais da HIV/AIDS:

Sintomas de gripe

Gripe HIV
Foto: tuasaude.com

É comum que nas primeiras semanas ou meses após a contração do HIV, sintomas da gripe apareçam com frequência. É possível também que eles demorem mais para desaparecer do que o normal. Dentre os sintomas estão febre, dor de cabeça, falta de energia e glândulas linfáticas inchadas.

Problemas na pele

Foto: tuasaude.com

Erupções cutâneas são extremamente comuns em pessoas que contraíram o vírus. Elas podem ser ligadas diretamente ao HIV, mas também podem ser resultados de alguma infecção onde o corpo não consegue combater da forma adequada.

Outro indicativo ligado a pele são feridas na boca, órgãos genitais e também no ânus.

Infecções

Foto: tuasaude.com

Como o sistema imunológico está danificado, infecções acabam sendo mais frequentes e graves. As principais áreas que se infeccionam no portador do vírus são: pele, olhos, pulmões, rins e trato digestivo.

Febres e suores noturnos

Foto: tuasaude.com

Um dos sintomas mais ignorados por quem é soropositivo são as febres baixas e os suores noturnos. Isso ocasiona os suores noturnos, onde a pessoa tem sudorese excessiva durante a noite.

Período menstrual alterados

Foto: tuasaude.com

As mulheres com HIV podem sofrer diversos problemas relacionados ao seu perigoso menstrual. Caso ele fique alterado de alguma forma e sem nenhum fator conhecido, pode indicar que você é soropositivo.

Surtos de outros Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST’s)

Foto: tuasaude.com

Mais uma vez a imunidade baixa faz com que outras doenças sejam mais graves e ainda mais frequentes. Outras DSTs acabam aparecendo com mais frequência, principalmente se a prática de sexo sem proteção aconteça com frequência. Caso a pessoa também possua outras doenças que não tem cura, como a Herpes Genital, os surtos podem acontecer com uma maior frequência.

Sintomas Avançados

Foto: naturalcura.com.br

A medida que seu sistema imunológico fica mais fraco, os sintomas vão se acentuando até que pôr fim a soropositivo desenvolva AIDS. Antes do pior estágio da doença, esses são os principais sintomas: diarreia, náuseas, vômito, perda de peso, dores severas de cabeça, dor nas articulações, falta de ar e tosses crônicas.

Quando sua contagem de células CD4 fica abaixo de 200 por milímetro cubico, você é diagnosticado com AIDS. A partir daí os sintomas tendem a se agravar cada vez mais e nosso sintomas como perda de memória a curto prazo e confusão mental também aparecem. Doenças são cada vez mais difíceis de combater, até mesmo uma simples gripe.

Fonte: Healthline

Imagens: Natural Cura, Tua Saúde, The Conversation