,

Conheça os remédios naturais para intestino preso

Só quem já ficou vários dias sem ir ao banheiro sabe o incômodo de sofrer desse problema.

Intestino preso é muito mais comum do que se imagina. Cerca de 20% dos brasileiros sofrem de alguma forma desse probleminha e se não tratado pode virar um grande problema. Em casos mais graves e intermediários, a pessoa pode sentir desconforto ao ir no banheiro, ter dores abdominais e inchaço abdominal por conta da condição extremamente seca das fezes.

Hoje vamos apresentar algumas formas naturais de diminuir esse problema, mas é sempre importante deixar claro que a melhor opção é ir ao médico. Intestino preso pode estar ligado não só a alimentação, mas também ao stress e também pode ser um sintoma de outras doenças.

Beba MUITA água (com gás também)

Foto: tuasaude.com / Beber bastante água é bom para pele, cabelos e muitas outras coisas.

Pode parecer muito clichê indicar água, mas um corpo desidratado tem mais chances de sofrer de com intestino preso. Estudos também mostraram que água com gás pode ser extremamente benéfico para pessoas que sofrem desse problema, no entanto não troque água com gás por refrigerantes, uma vez que eles podem piorar seu estado.

Beba café

Foto: tuasaude.com / Café tem diversos benefícios para o nosso corpo, sempre consumindo com moderação.

O café além de dar forças para enfrentar os problemas do dia-a-dia também pode nos ajudar com o intestino preso. Estudos mostraram que beber café estimula seu intestino da mesma forma que comer uma refeição. A bebida também possui uma pequena quantidade de fibras solúveis, outra coisa que ajuda a diminuir a prisão de ventre.

Coma alimentos probióticos (ou suplementos)

Foto: tusaude.com / Iogurte é uma ótima opção para alimentos probióticos

Os probióticos são alimentos que tem a presença de micro-organismos vivos que trazem benefícios para quem os consome. Pessoas que sofrem muito com o intestino preso podem ter deficiência de bactérias no intestino e o consumo desse tipo de alimento pode melhorar essa deficiência.

Existem diversos alimentos probióticos que vão muito além do iogurte. Dentre eles estão: kombucha, leite fermentado, cervejas (com moderação), picles e queijos enriquecidos em probióticos.

Consuma mais alimentos com fibras

 

Foto: tuasaude.com / Fibras insolúveis são encontradas no trigo, vegetais e grãos integrais. Fibras solúveis estão na aveia, cevada, nozes, feijões, ervilhas, etc.

Pessoas que sofrem desse mal sempre são recomendadas a consumir diversos alimentos ricos em fibras. Isso se dá pelo que elas podem fazer no seu intestino, que é “obriga-lo” a trabalhar mais fazendo com que as fezes cheguem ao seu devido lugar mais rápido.

O grande problema é que existem dois grupos significativos de fibras que podem ajudar de formas diferentes. As fibras insolúveis adicionam volume as fezes fazendo com que eles passem mais rápido pelo sistema digestório. Já as fibras solúveis absorvem mais água, mudando a consistência das fezes. Essa última diminui a dor na hora da evacuação.

Coma alimentos prébióticos

Foto: tuasaude.com / Dentre os principais alimentos prébióticos estão o alho, cacau, cebola, maçã e banana.

Nós já falamos dos alimentos probióticos e dos alimentos ricos em fibras, agora vamos falar de um meio termo. Alimentos prébióticos tem como principal função ajudar as bactérias presentes em nosso sistema digestório para todo o processo digestivo fique mais simples.

Suco de mamão com linhaça

Foto: tuasaude.com / É indicado consumir meio mamão todo dia para os resultados serem os melhores.

Um suco com meio mamão e um pouco de linhaça pode ajudar nosso intestino a agir de forma mais rápida. O mamão faz com que o intestino absorva melhor os alimentos, fazendo com que a digestão se torne mais rápido e consequentemente a evacuação também será mais rápida.

O que achou de todas essas dicas? Comenta aí e compartilha com qualquer pessoa que sofra desse grande problema.

Fonte: Medical News Today, Health, Tua Saúde

Imagens: Tua Saúde, Pague Menos